11 abril, 2007

Baba Zula no Festival Islâmico de Mértola



Os Baba Zula (na foto), um dos grupos de ponta da renovação da música turca, são um dos destaques da 4ª edição do Festival Islâmico de Mértola, que decorre nesta vila alentejana de 17 a 20 de Maio. Um Festival que, para além das deliciosas comidas tradicionais mediterrânicas e do animado souk que por estes dias transforma Mértola numa localidade do norte de África, apresenta ainda mais alguns mui aconselháveis concertos, à noite, no Cais do Guadiana. Concertos do projecto In-Canto (com Luísa Amaro na guitarra portuguesa, Miguel Carvalhinho na guitarra clássica, Hugo Tristão na percussão árabe e Joana Grácio, bailarina de dança oriental) e do ensemble Adafina (projecto português que se dedica à música turca e árabe), na primeira noite; do novo Grupo Moulay Sheriff (liderado por este ex-membro dos marroquinos Nass Marrakech) e dos portuenses de trance acústico OliveTree, na segunda noite; da fabulosa cantora iraquina Aida Nadeem e dos já referidos Baba Zula (fazedores de um festivo e excitante híbrido de música tradicional turca, dub, rock e electrónicas), seguidos por uma sessão de DJ de Raquel Bulha, na noite de sábado. Todos os dias, e durante o dia, há também animação musical com Eduardo Ramos (Portugal) e os grupos Boukdir (de Marrocos) e Troupe Chelbi (da Tunísia). Espectáculos de cante alentejano e de violas campaniças, colóquios, exposições, teatro, oficinas e espectáculos de dança oriental, a inauguração do Centro de Estudos Islâmicos e do Mediterrâneo, a apresentação do Museu Virtual «À descoberta da Arte Islâmica» e a noite de Dikra (celebração islâmica aqui aberta à participação de pessoas que não professam essa religião) completam a programação deste festival. Mais informações aqui.

3 comentários:

BiG Bad OaK disse...

Muito obrigado pelos elogios ao Big Bad Music. Paixão pela boa música é o que me conduz à razão maior da vida: arte.

O tema do seu blog ainda me é desconhecido. Lerei coisas por aqui e adicionarei imediatamente aos links do BBM.
Um abraço!

Lígia Gomes disse...

Continuo na minha de que o Beck plagiou os Baba Zula... Visite o site http://sabaoazulebranco.blogspot.com/

Beijos muitos,

Lígia

António Pires disse...

Olá Lígia,

Não quer explicar melhor a teoria?

Cumprimentos...