10 novembro, 2007

Auto-Promoção (ou World DJing no Éden Glorioso - Parte 2)


Há mais algumas sessões de DJ no horizonte - das quais irei dando conta ao longo do tempo e assim que se confirmarem - mas, para já, a próxima é sábado, 17 de Novembro, dia em que o autor deste blog vai pôr música no CaféVinil (já quase em regime de «residência»), em Sintra: world music, muita e variada, e desta vez com uma vertente ainda mais dançante do que das vezes anteriores. O resto da programação de DJing do CaféVinil - que fica muito perto da estação dos comboios e ainda mais perto da Biblioteca - durante este mês é preenchida por uma sessão de Luís Varatojo («Do Vinil ao MP3»), hoje, dia 10, à noite, e outra de Gito («Surfing Thing»), dia 27. Ao longo do mês continua a ser possível visitar a exposição «Comer Com os Olhos», de Teresa Cavalheiro. Mais informações aqui.

9 comentários:

un dress disse...

comer com os olhos

ouvir com o tacto


...


e sintra tão bonito tão longe...



beijO.abraÇo...:)

António Pires disse...

Un-Dress:

:))) Ouvir com o tacto também pode significar «dançar»?? E sim, Sintra é uma terra lindíssima... Se fizer mais sessões de DJ no CaféVinil (esta vai ser a terceira embora seja apenas a segunda a ser referida aqui) vou de certeza continuar a pôr «postais» no blog... A «colecção» é inesgotável...

Beijo e abraço... :)))

menina limão disse...

tão looooooooooooooooonge.

:(

António Pires disse...

Menina-Limão:

Ohhhh... pois é! Mas olha que daqui a algum tempo sou capaz de pôr música num excelente bar do Porto. Ainda não está confirmado mas... Nesse caso, prometo passar pelo menos uma mazurka :))

menina limão disse...

ena, isso seria brutal. :)))))
não te esqueças de me enviar mail assim que tiveres confirmação.

António Pires disse...

Menina-Limão:

Envio pois :)))

aliete disse...

O teu blog tem imagens lindíssimas.
A de Sintra tocou-me especialmente. Fez-me lembrar a última vez que lá fui. Um amigo que nos é comum marcou um encontro comigo num Agosto já longínquo. A única pista que me deu foi a de que me esperava na varanda de um palácio que tem, à frente, um declive. E uma árvore imensa....que dá uma sombra fantástica, em dias de sol. Parabéns pelo teu trabalho.

António Pires disse...

Aliete:

Sejas bem-vinda ao Raízes e Antenas! E muito obrigado pelas tuas palavras!! Sim, eu sei do que e de quem estás a falar :)) E é sempre bom ter a visita de «velhos» amigos como tu... Um beijo.

Aliete disse...

Obrigada. O gosto é todo meu. Sempre que puder visitarei o blog. Ele tem várias coisas que me atraem especialmente: o tema principal (a música), a escrita e as cores do continente onde nasci. Um abraço.